Fotos – Rebocadores portuários afundam na cidade do Rio de Janeiro

sáb, jun 9, 2012, 5.606 views

Convés, Fotos, Navegação, Segurança  

Bookmark and Share

por Erik Azevedo

A vida no apoio portuário não é tão fácil e segura, quanto alguns imaginam.
Segundo a imprensa, em geral não especializada esta noticiando, dois rebocadores portuários (e não de apoio offshore como tem sido noticiado), afundaram hoje dentro da baía de Guanabara durante operações, as causas apontadas são devido as condições de mar (ressaca),  que elevaram ondulações com a até 2,5 m. Segundo o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e a Capitania dos Portos, não houve vítimas, até o início da tarde, não havia vazamento de óleo combustível.

De acordo com a Capitania, o primeiro naufrágio foi às 7h30, quando o rebocador S. Thiago, da empresa  de reboque Saga, apoiava um navio que estava atracando para reparo nas proximidades do estaleiro Enavi, nas proximidades da Ilha de Mocanguê.

Não temos muita informação sobre o Reb. S Thiago, porem sabe se que tem 28 tons de bollard pull. E já pertenceu à Docenave e a Camorim anteriormente.

Com as cores da Docenave

http://www.camorim.com.br/frota/rebocador-mais-15t/item/193.html

A outra embarcação, o Rebocador “Prudente”, da empresa Camorim, afundou às 8h40, rebocava uma cábrea perto da plataforma ODN Tay (da Odebrecht), fundeada na dentro da baía para reparos, antes da Ponte Rio-Niterói.

http://www.camorim.com.br/frota/rebocador-menos-15t/item/140.html

Ainda segundo a Capitania dos Portos, a reflutuação dos dois rebocadores começou a ser feita no início desta tarde. Um inquérito também já está em andamento para apurar as causas dos acidentes e a previsão de conclusão é de 90 dias, como manda o protocolo da MB.

__________________________________________

A sonda semi submersível ODN Tay é a antiga SS Stena Tay, que operou no Brasil entre 2000 à 2003, para Shell e Petrobras, na costa do Espírito Santo.

A Odebrecht Óleo e Gás (OOG), havia anunciado acordo com a empresa Stena Drilling para a aquisição da sonda de perfuração semis submersível Stena Tay. A unidade, que foi renomeada para ODN Tay, ela é capaz de operar em lâmina d’água de até 2.400 m e possui um dos melhores desempenhos históricos do setor de perfuração.

, , , , ,

24 Respostas para “Fotos – Rebocadores portuários afundam na cidade do Rio de Janeiro”

  1. Lázaro de souza:

    Lamentavel!
    Realmente essa semana a Guanabara não está como de costume…
    Graças a Deus não houve vítimas!
    Vida longa ao BLOGMERCANTE!

    Responder

  2. Alex:

    CAMORIM KKKKKKK

    Responder

  3. Daniel Mello:

    Muito estranho essas embarcações terem naufragado devido condições de mar. No caso desse rebocador pequeno (empurradorzinho) até dá pra acreditar que as condições de mar favoreceram para que ela fosse pro fundo. O que deve ter acontecido foi alguma manobra com cabos, alguma resistência externa ( bóias, etc – como contam os testemunhos) que deve ter alterado as resultantes e causando o emborcamento. Se ondas de 2,5 metros fossem motivo único para naufrágio de barcos assim, toda vez que houvesse mar grosso na bacia de campos , os barcos pesqueiros iriam pro fundo.

    Dados do “rebocador pequeno”
    LOA (M)
    12,20
    Boca (m) / Breadth:
    4,20
    Pontal (m) / Moulded Depth:
    2,60
    Calado (m) / Max. Draught:
    1,50
    Tração Estática (t) / Bollard Pull (mt):
    6,00

    Responder

    • Gilmar Guilherme:

      O calado do caixotinho é de 2,20m. Mas são barcos de pouca estabilidade, projetados para trabalhar exclusivamente em águas abrigadas. Quanto ao S. Thiago, sempre foi da SAGA, veio navegando da Holanda com o nome de POINTER, sendo reconstruído posteriormente na Bahia.

      Responder

  4. Thiago Lemgruber:

    Finalmente alguma notícia decente a respeito deste acidente.
    Parabéns ao Blog!
    O S.Thiago sempre pertenceu à SAGA Rebocadores, já tendo sido afretado para a VALE em Porto Trombetas e há uns dois anos segue afretado pela CAMORIM.
    Que bom que saiu todo mundo ileso!!

    Responder

  5. CDM william:

    poh os armadores brasileiros tem q parar de visa só dinheiro , eu conheço o prudente é um rebocador das antigas ,eles só fazem manutenção quando estão pegando direto

    Responder

  6. fox sea:

    Porque em vez de especular o acontecido, não perguntar ao prático (SR. SHIMANSCHI) o que realmente aconteceu. É a velha história, o despreparo de alguns é visível e as autoridades da DPC não querem reconhecer os seus próprios erros, são MESTRES, CDMS, pessoas desqualificadas e despreparadas profissionalmente que só visam o salário, tempo de mudar senhores, senão, haja acidente. um abraço

    Responder

    • Diogo:

      Não é o 1º nem 2º acidente ocorrido com embarcações desta empresa e conforme o amigo fox sea relatou, há um grande despreparo das pessoas que pilotam estas embarcações. Eu mesmo já presenciei um Mooring master pedindo pra substituir o Prudente pq quem pilotava era um Marinheiro Auxiliar ainda e que mal sabia se comunicar direito pelo VHF como muitos que pilotam suas embarcações. Não desmerecendo o Marinheiro Auxiliar, mas já vi Auxiliares em rebocadores em q sua categoria não poderiam nem sonhar em pilotar!!!

      Responder

    • Alex:

      cara o SR. SHIMANSCHI e um bom pratico tudo bem não e um aranha nem um paes leme mas e bom!

      Responder

    • mestre Otero:

      Alguns anos atrás fui mestre na função de comandante de uma cábrea e estava recebendo auxílio do rebocador “Prudente” que estava empurrando a mesma pela proa e pasmem…em uma guinada de 90º o rebocador foi pro fundo. Não houve vítimas e o resgate foi rápido, era um MOC no comando mas fica aí a lição para a empresa responsável por esse barco preparar melhor os profissionais que assumem o timão de uma embarcação. E em relação ao cometário do fox sea não denigra a imagem dos mestres e CDMs, existem também muitos oficiais comandantes, imtos, chemaques despreparados por aí. Comentar na encolha é mole,respeite. Saudações aos mestres e CDMs.

      Responder

  7. Carlos:

    Galera,
    Vamos respeitar nossas raízes mercantes… Depois que vi ASON no Comando de AHTS/ROV na Bacia de Campos, agora pode tudo… Ao ponto de ouvir no Rádio o mesmo chamar Quartelada de Mergulhada, entre outras… Adeus Marinharia… Adeus Tradições… Adeus qualificações… É dai pra pior…

    Responder

    • 2OM Fabio Silva:

      Depois falam que a MG (marinha de guerra), não tem culpa. Quem é que distribui carta a torto e direito por ai?

      Esse ano serão 6, isso SEIS turmas de ASON/M, e todas serão em convênio com a FEMAR$$$$$$$, e a FEMAR todos sabem que é de ex militares! É acocha demais senhores, e na cara de pau. Estão privatizando a moda mesmo, pior, usando recursos públicos, pois quem vai pagar a FEMAR, será o fundo do EPM.

      Queria ver se cobrassem 18 mil num curso deste de ASON/M se alguém iria pagar?
      Por um lado é bom, vão dar carta prum monte de terráqueo despreparado, com raras exceções você encontra um ou outro que sabe oque é um navio, a maioria destes meias boca vão para as famosas pirangueiras.

      É daí mesmo para pior!!

      Responder

  8. Rosalvo:

    Pelo que acompanhei no rádio e informações dos companheiros o navio estava com mais de 4.5 nós e o prático fez a “gentileza” de mandar o S. Thiago ficar popa com popa pra quebrar seguimento. E o que aconteceu é de conhecimento de todos: o rebocador foi pro fundo!
    O que vai acontecer é que o prático vai tirar o dele da reta e culpar o mestre.

    obs.: Estava no dia acompanhando tudo pelo rádio!

    Responder

  9. humberto:

    Esses dias outro rebocador da camorim começou a “fazer agua” em Sepetiba, quase vai para o fundo só não foi pq os tripulantes conseguiu fazer uma bomba pneumatica para funcionar. a camorim esta fazendo muito dinheiro com sucatas, mas a culpa é da marinha de guerra que não fiscaliza,,, mas na verdade fiscaliza mas deixa passar né rsrsrsrsrsrrsrs tem embarcações que “fazem mais óleo) que trabalha, e onde vai parar esse òleo??????????? como conseguem certificados ????????

    Quem comprou Os rebocadores Escorpinon e o Sagitario da petrobras ??? soube que o casco estava todo bujonado não era casco duplo, estava todo ruim, mas com certeza “vai ganhar certificados para operar por aí…rsrsrsrs”"

    Responder

  10. marcio:

    BOA NOITE GALERA , A CARTEIRA MARITIMA ELA TEM VALIDADA.

    Responder

  11. joao - MOC:

    Realmente tem muitos tecnicos que fazem o CAAQ e ja saem como CTR e CDM, porem nao tem nenhuma experiencia à bordo, nunca foram para mar. E pior,
    ficam como responsaveis pela seguranca dos MNC. Uma vergonha para Marrinha do Brasil. Enquanto isso, quem já tem experiencia nao tem oportunidade.
    Passei 05 anos MB, com 02 de embarque e entrei como MOC so´pq passei no CFAQ.

    Responder

  12. kleber:

    Graças á Deus que existe a camorim que dá emprego para mais de mil brasileiros chefes de família .

    Responder

  13. Calixto:

    Se a autoridade marítima autoriza ou cria novos cursos, como o Ason/Asom, não podemos culpar os alunos oriundos destes cursos…

    O grande problema esta na formação dos mercantes. Se falarmos na formação dos Moços de Convés, Moós de Máquinas, CDM`s, CTR`s e outros podemos notar que nenhum deles passou por algum tipo de treinamento em simuladores de navegação ou algo semelhante.
    Os moços são formados pelo Ciaga, Ciaba, Capitanis e Delgecias dos Portos espalhados pelo Brasil. 90% dos docentes são contratados e possuem outras atividades. Acredito que não haja no Ciaga e nem tão pouco no Ciaba enhum professor contratado pelo regime de DE Dedicação Exclusiva e com um bom salário e com incentivos para alcançar o mestrado e o doutorado, pós doutorado, etc. Não há pesquisa nestes centros de formação. Aliás desafio a publicarem alguma pesquisa recente produzida por estes dois centros de formação. Pasmem, não existe nada publicado.
    Há quantos anos não há concurso público para contratar professores para a EFOMM ?
    O que consome, o que mata a Marinha Mercante chama-se corrupção… A Companhia Loyd Brasileiro, se existisse hoje, seria a maior empresa de navegação do mundo. Porque ele acabou? Diga-se, de passagem, que o Loyd era uma empresa estatal inchada de militares almirantes, comandantes, sub-oficiais, sargentos reformados, mas que conseguiam uma boquinha na Marinha Mercante. Docenave e a antiga Fronape eram recheadas de oficiais reformados da Marinha de Guerra.

    Voltando ao Loyd Brasileiro, conheci muitos que enriqueceram as custas do Loyd…

    Alguém poderia fazer uma matéria sobre os grandes centros de formação da marinha mercante de outros países. Citemos alguns exemplos para pesquisa: frança, Alemanha, Reino Unido, Portugal, Espanha, Noruega, Japão, Filipinas, Argentina, Estados Unidos.

    Negligenciamos a boa formação dos pescadores ou daqueles oficiais que só se dedicarão ao ramo da pesca. Como é a nossa frota de navios de pesca?
    Precisamos de uma Universidade de Formação na área da pesca, envolvendo diversos profissionais.

    Alguém conhece alguma escola de formação de pesca no Brasil? Ainda mais pelo tamanho da costa que o Brasil possui…

    Temos um sindicato que dispensa comentários…

    Sem citar nomes ainda temos professores, que no período de formação (EFOMM) já nos chamávamos de futuros motoristas… ( alusivo a cor do uniforme que os motoristas de ônibus do Rio de Janeiro usavam antigamente – caqui ) Coincidência ou não quem nos humilhava eram justamente alguns mestres que tinham uma formação militar e que ainda continuam lecionando na EFOMM – Rio.
    Recentemente um amigo quase se indispos com um mestre que utiliza métodos pedagógicos ultrapassados ao se dirigir aos alunos de maneira desrespeitosa, trata-se de um ex-radiotelegrafista que posteriormente tornou-se oficial de náutica.

    REFORMA GERAL DO ENSINO PROFISSIONAL MARÍTIMO, JÁ!

    Ainda estamos tendo o risco da perda de nossos empregos por estrangeiros que já conseguem embarcar aqui sem maiores problemas.

    Responder

  14. TOMAS TURBANDO:

    A grande maioria dos Marítimos só falam merda,o que vocês sabem mesmo, é perseguir os colegas. Tomem vergonha na cara e vão estudar seus Babacas! Vcs são um Bando de Burros,com salário de Dr. !!!!! perdão por ofender o pobre do animal,o comparando com esses IDIOTAS!!!

    Responder

  15. Tassia Gomes:

    eu só entrei aqui para saber mais um pouco sobre esse acidente para um trabalho do meu curso de Petróleo e gás mais só observei essas pessoas discutindo um assunto que já aconteceu pessoas baixas um ofendendo o outro não gosto muito dessas coisas porque ninguém é melhor do que ninguém,tudo bem cada um tem uma forma de pensar mais não tem necessidades dessa agressividade…bom oque eu queria aqui eu já consegui para o meu trabalho obrigado.

    Responder


Deixe uma resposta

Get Adobe Flash playerPlugin by wpburn.com wordpress themes