Sondas (plataformas de perfuração) com dinheiro do FGTS

qui, fev 21, 2013, 3.160 views

Construção Naval, Emprego, Jurídico, Petróleo e Gás, Tecnologia  

Bookmark and Share

por Erik Azevedo

O que interessa para nós é: O que o trabalhador offshore ganha com isto?

Segundo a agencia de notícias internacional Reuters, a Sete Brasil que é a nova player no mercado de perfuração offshore, que é na verdade uma junção de 6 empresas de perfuração (locais e internacionais)* mais a Petrobras, que ganhou um mega contrato inédito no mercado do petróleo, algo sem paralelo na história da indústria do petróleo, pois de uma só vez o grupo que ainda não tem nenhuma sonda ainda, irá operar 13 unidades de ultima geração (8 navios sonda e 5 Semi submersíveis) .

* As empresas  que compõe a Sete Brasil são elas: Seadrill, Odfjell (ambas norueguesas), Etesco, Odebrecht Óleo e Gás, Queiroz Galvão Óleo e Gás (Brasileiras) e Petroserv (Americana/Brasileira).

Diversos navios sonda como este foram encomendados de uma só vez à vários estaleiros instalados no Brasil. Isto é algo inédito na história da indústria do Petroleo mundial

Estas unidades irão operar nos projetos do “Pre Sal”, tanto nas bacias de Santos como no Espírito Santo em sua maioria, pois serão para operar em águas consideradas “ultra profundas”. As encomendas para todas as sondas foram feitas em estaleiros no Brasil (7 em Suape – PE (EAS), 1 em Aracruz – ES (Jurong), e 5 em Angra – RJ (Keppel O&M). E tem previsão para começar a ser entregues apenas a partir de 2014.

Para captar recursos deste mega investimento, pois de uma só vez uma nova empresa de perfuração irá começar do zero com 13 novas unidades de ultima geração, que variam (preço médio) entre 850 milhões  à 950 milhões de Reais cada unidade,  os investimentos dependem de um mega conjunto de bancos nacionais e internacionais, algo jamais visto na indústria do petróleo feito nesta escala no desenvolvimento de um projeto offshore (superando os feitos no Mar da Noruega nos anos 90 por uma única empresa).

FGTS grana do trabalhador

O Fundo de Investimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FI-FGTS) investirá até 2,5 bilhões de reais na Sete Brasil Participações S.A., por meio da aquisição de debêntures da companhia e de cotas do FIP Sondas, controlador da empresa.

Os contratos bilionários da Sete Brasil com Petrobras, tem como atribuição construir, operar, adquirir, alienar, alugar ou fretar sondas de perfuração de exploração e produção de petróleo e gás.

Sonda construída no Keppel (Cingapura), muitas outras como esta virão a ser construídas localmente pelo mesmo grupo que se compromete a aplicar conteúdo local de até 60%

“O aporte feito pelo Fundo na Sete Brasil nos dá ainda mais capacidade financeira para fazer frente aos investimentos necessários ao gigantesco desafio da exploração do pré-sal brasileiro”, afirmou em nota o presidente da Sete Brasil, João Ferraz (Reuters).
De acordo com o presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Hereda, participar do projeto significa ser sócio de uma companhia que já nasce entre as maiores do mundo, consolidando o Brasil não somente como um importante produtor de petróleo, mas também como um dos mais importantes participantes da crescente indústria naval (o grifo é nosso).

Não estamos fazendo aqui críticas e sim apenas entendendo e mostrando oque o aporte bilionário de recursos que são  mesmo para ser investidos pelo FGTS (investimento que se espera retorno), pois o dinheiro não é emprestado e sim o FGTS irá se tornar sócio do projeto.

Empregos…

Os operários offshore e navais devem estar bem interessados e informados sobre  isto tudo, pois agora temos uma nova empresa no mercado que irá necessitar de grande quantidade de mão de obra qualificada e treinada para operar estes modernos equipamentos, porem vale lembrar que qualquer navio, ou plataforma moderno necessitam de pessoas habilitadas e com conhecimento para que operem com eficiência, e o capital humano é a força motriz de tudo isto. Sem pessoal com conhecimento apurado, estes modernos equipamentos não passarão de máquinas paradas ou danificadas, e o mais importante, que é a produção (construção de poços), não poderá se concretizar caso não ocorra desde já investimentos pesados na captação deste pessoal todo, pois a maioria destas sondas irão contar com equipes de até 160 operários (tripulação, operação, manutenção e apoio) em cada jornada de 14 dias, ou seja serão no mínimo 320 postos de trabalho especializado para cada unidade (apenas embarcados), sem contar um número considerável de profissionais de apoio em terra, embarcações de suprimento (pelo menos 1 PSV – navio de suprimentos – para cada 2 unidades), serviços de helicópteros, logística de pessoal, hotéis, e transporte de pessoal. A cadeia toda que circunda apenas uma única unidade gera aproximadamente 1 emprego indireto à cada grupo de 10 embarcados, sem contar nos inúmeros postos de trabalho durante as obras de montagem das sondas, e construção dos estaleiros.

Conheça a Sete Brasil clicando no logotipo

Segundo a Reuters, a assessoria da empresa afirmou que o investimento da Caixa Econômica Federal por meio do FGTS seria de 650 milhões de reais.

A Petrobras já contratou a construção de 28 sondas com capacidade para atuar em águas ultraprofundas com conteúdo local mínimo, que varia de 55 por cento a 65 por cento, segundo a Sete Brasil.


FIP Sondas – controlador da Sete Brasil, possui dentre seus cotistas bancos comerciais e de investimento, fundos de pensão e investidores institucionais, dentre os quais BTG Pactual, Bradesco, Santander, Funcef, Petros, Previ, Valia (Vale), EIG Global Energy Partners, Luce Drilling e Lakeshore Partners.


Os investimentos totais projetados para viabilizar o projeto, que incluem estaleiros e bases logísticas, somam 25 bilhões de dólares a serem investidos ao longo dos próximos anos em diversos Estados brasileiros (Pernambuco, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina e RG do Sul), com geração de cerca de 160 mil novos empregos (diretos e indiretos) com qualificação da mão-de-obra, disse a empresa.

____________________________________________

BlogMercante no Facebook

Curta nossa fan page e acompanhe nossas atualizações na maior rede social do mundo.

, , , , , , , , ,

7 Respostas para “Sondas (plataformas de perfuração) com dinheiro do FGTS”

  1. Oliveira:

    Boa materia!!!

    Responder

  2. Jorge Vitor:

    Boas noticias, espero que a maioria da mão de obra seja basileira, pois a muitos qualificados desempregados, pessoas que investiram para suas formações e ainda aguardam a primeira oportunidade como eu. Fiz o curso de aquaviário (moço de convés) dezembro de 2012 e ainda não pareceu nenhuma oportunidade.
    Sejamos otimistas e boa sorte a todos os colegas de profissão.

    Responder

  3. Jose Carlos Belarmino Filho:

    Parabéns pela matéria, ótimas noticias para o setor!!!!
    Sds,a todos!
    José Carlos Belarmino Filho
    2 Oficial de Máquinas

    Responder

  4. barreto:

    Todo mundo reclama, que nao tem vaga, nao tem emprego critica a marinha, fala que perdeu tempo e dinheiro em cursos, reclama da invasao dos grigos que oculpam os nossos postos de trabalho, etc, etc, etc……mas o que a grande maioria dessa classe chamada maritimos ou aquaviarios o que e que vca estao fazendo de fato e de pratico para reverter essa situacao, pois nos dias de hoje se a classe quiser mesmo ser ouvida tem que fazer barulho, fortalecer os sindicatos de classe comparecer nas reunioes e assembleias e fiscalizar a sua entidade sindical, botar a boca na impressa local e nacional, se manisfestar nas redes sociais, contaquitar os politicos a presidente da republica, do congresso e senado federal a dpc o ministerio do trabalho, ministerio dos transportes e dizer respaldadamente o que esta acontecendo, pois eu nao consigo entender este pais e a sua gente apesar de ser brasileiro, muito se reclama e ninguem faz nada fica esperando um pelo outro, primeiro era o problema do apagao maritimo como foi amplamente divulgado neste blog, ja agora e o problema que esta se formando muitos moc/mom/mac/mam/cdm/ctr/eletricistas/taifeiros/asa/enfermeiros, tem que falar ingles, puxa que negocio e esse estamos em um pais de lingua portuguesa eles que venhe trabalhar aqui que aprendam o portugues nao agente dentro de nossa casa ter que porfim da forca aprender de uma hora para outra ingles, se na escola entre ensino fundamental e medio em mais de 10 anos de estudo nao se aprende nada imagine agora depois de velho ja fora da escola a muito tempo e precisando trabalhar com a cabeca cheia de problemas, esposa e filhos para cuidar, sou maritimo sou profissional, nao interessa o ingles pois eu trabalho embarcado e faco o meu trabalho e nao deixo a desejar. ha mais o problema e comunicacao nao me interessa fora os gringos e viva os brasileiros, a todos os meus colegas de profissao um forte abrasso e muita fe e perserveranca neste caminho, eu ainda acridito que este pais vai tomar vergonha na cara e beneficiar e acolher o seu povo que sempre fica escanteado.

    e que o deus dos teus coracoes e da sua compreencao possa mostrar a luz de esperanca e de um futuro melhor a todos os maritimos desse brasil, nao fiquei calados, denunciem, jogue a insatisfacao que estao sentido para fora na impressa para o governo ver que essa nao e politica que queremos para o nosso setor e sim uma marinha mercante 100 porcento brasileira, nacional.

    Responder

  5. rogerio:

    precisamos estar sempre nos qualificando para mercado de trabalho e envolvido o que as empresas nos oferece em relação a novos cursos.

    Responder

  6. Cesar:

    Olá amigo.

    Só pra retificar, a sonda SSV Victoria que aparece na foto, não foi construida em Cingapura. A mesma foi construida na Coréia pela DAEWOO SHIPBUILDING & MARINE ENGINEERING.

    Trabalho na SSV Victoria a 1 ano.

    Abraços

    Responder

  7. eronis paixão:

    trabalho em sonda de perfuração e completação a 28 anos, sotep, drillfor perfurações do brasil,tuscany perfuração do nordeste,15 anos de operador e 4 anos de encarregador de perfurações, hoje estou desempregado aguardando oportunidade de trabalho.

    Responder


Deixe uma resposta

Get Adobe Flash playerPlugin by wpburn.com wordpress themes